Explorar

Situado na margem direita do rio Tâmega e inaugurado em 2016, o edifício que alberga o museu é uma obra ímpar, projetada pelo conceituado arquiteto português, Álvaro Siza Vieira.  

O MACNA é um espaço de características excecionais, moderno e único. Um lugar de fruição cultural por excelência, constituído por diversos espaços, salas de exposições, auditório, arquivo, biblioteca, loja e atelier de artes plásticas. Exibe obras do pintor flaviense Nadir Afonso e de outros artistas consagrados no panorama artístico. De visita obrigatória em Chaves. 

Google Arts & Culture

Conheça a exposição multimédia do Museu de Arte Contemporânea Nadir Afonso na plataforma Google Arts & Culture.

Saiba mais Saiba mais

Exposições em Destaque

A programação do Museu de Arte Contemporânea de Chaves assenta na apresentação de exposições de cáracter permanente e temporárias.

Arquitetura

Com projeto de arquitetura de Álvaro Siza Vieira, o MACNA encontra-se situado na margem direita do rio Tâmega, com plano de pormenor elaborado no âmbito do programa Polis. Um retângulo paralelo ao leito do rio, de piso único, assente em plataforma de betão, apoiada em muros perpendiculares ao rio, a fim de não estar sujeito a uma eventual inundação. Os espaços internos programados desenvolvem-se longitudinalmente em três setores: átrio, recepção, biblioteca, auditório, loja e cafetaria, no topo sudoeste; espaços expositivos, na zona central, incluíndo sala de exposição permanente e sala de exposições temporárias; o topo nordeste inclui a área administrativa e atelier de artes plásticas.
O projeto de arquitetura do MACNA foi um dos finalistas ao prémio de Arquitetura Mies van ver Rohe, em 2017.

© MACNA

Arquiteto

Álvaro Siza Vieira
© Fernando DC Ribeiro
Álvaro Siza Vieira

Álvaro Siza Vieira nasceu em Matosinhos, a 25 de junho de 1933. Estudou Arquitetura na Escola Superior de Belas Artes da Universidade do Porto entre 1949 e 1955. Influenciado pelas obras dos arquitetos Adolf Loos, Frank Lloyd Wright e Alvar Aalto, desde cedo conseguiu desenvolver a sua própria linguagem, sempre com as referências modernistas internacionais, mas também marcada pela tradição construtiva portuguesa.

Ver mais

Álvaro Siza Vieira nasceu em Matosinhos, a 25 de junho de 1933. Estudou Arquitetura na Escola Superior de Belas Artes da Universidade do Porto entre 1949 e 1955. Influenciado pelas obras dos arquitetos Adolf Loos, Frank Lloyd Wright e Alvar Aalto, desde cedo conseguiu desenvolver a sua própria linguagem, sempre com as referências modernistas internacionais, mas também marcada pela tradição construtiva portuguesa. Notabilizou-se no exterior em Santiago de Compostela, Barcelona, Haia, Maastricht, Alicante, Granada. Em Portugal, distinguiu-se com obras como a Casa de Chá, Leça da Palmeira, a Faculdade de Arquitetura da Universidade do Porto, o Museu de Arte Contemporânea de Serralves, a Igreja de Marco de Canaveses, o edifício Sede do Museu Internacional de Escultura Contemporânea de Santo Tirso, bem como o Museu de Arte Contemporânea Nadir Afonso, Chaves. Devido a toda a projeção que a sua obra possui, Siza Vieira é considerado, atualmente, o arquiteto português com mais visibilidade e prestígio internacionais, tendo sido reconhecido com o Prémio Pritzker.

Ver menos

Visitar

Horários

Inverno

  • Terça a Domingo 9h30-13h00
  • Terça a Domingo 14h30-18h00

Verão

  • Terça a Domingo 10h00-13h00
  • Terça a Domingo 14h30-18h30

Tarifário Bilheteira

Bilhetes

  • Geral 5€

Descontos

Como Chegar

  • point

    Avenida 5 de Outubro, nº10,
    5400 – 017 Chaves

    GPS: 41.74097174819793, -7.4658931038255405

Acessibilidade

Visitas

Requisitos Gerais

Agendamento prévio, com antecedência mínima de 1 semana, para o e-mail

Requisitos para Grupos

Considera-se grupo a partir de 10 ou mais bilhetes.

Biblioteca

© MACNA
© MACNA

Loja